8 de agosto de 2011

Começou a saga!

Naná no registo civil, tenta em vão refazer a sua vida normal e tira senha para tirar Cartão de Cidadão.
Nisto, lembra-se que na última vez que foi furtada e teve que tirar os documentos todos de novo, foi forçada a gastar 18€ numa certidão de nascimento.
Pergunta então à funcionária se é necessário proceder do mesmo modo!
Dizem que não... que basta entregar o Bilhete de Identidade.
Quando explico que foi furtado, bem como carta de condução e passaporte nunca fiz... dão este pedaço de informação:
"- Ah, então tem que trazer duas testemunhas para atestarem que é a senhora!"
Ou seja, eu agora tenho que ir lá com duas pessoas, para que estas digam que EU sou mesmo EU!!
Isto é tudo muito bonito, sim senhor, ah segurança e tal e coisa... mas aposto que é mais fácil aos senhores criminosos falsificarem um cartão de cidadão ou um bilhete de identidade, que parece mais verdadeirinho que sei lá... do que eu, humilde cidadã lesada e prejudicada, mandar emitir um cartão de cidadão "verdadeiro da silva" num qualquer registo civil nacional!...

8 comentários:

Manuela disse...

Querida Naná, coragem para a burocracia! ;)

Ni! disse...

Se me pagarem a deslocação, eu vou e atesto!
Santa paciência.

cuca disse...

Bolas, que azar! E pelo que li dos últimos posts realmente um azar nunca vem só. Mas deixa lá porque a sorte também nunca vem só. Quando vier a sorte há-se ser a triplicar.

Naná disse...

Manuela, é mesmo! Eu até respiro fundo 10 vezes antes de tratar de um qualquer documento...

Ni, gracias, sei que virias sem problema, mas já está tratado!

Cuca, é verdade, tal como o mal nunca vem só as coisas boas também vêm sempre em catadupa!

Obrigada pela força meninas :)

Horizonte disse...

Pois Naná agora é a outra fase também ela complicada... já não basta o que lhe aconteceu.
Aqui por Lisboa há a loja do cidadão, que apesar de grandes filas vai resolvendo o problema de tudo.
Com calma tudo se resolve, tente jogar no euromilhões, era muito bom que pelo menos fgosse sorteada com qualquer coisinha ...já para não dizer num grande prémio.

Naná disse...

Horizonte, eu só me custa mais é a insensibilidade das pessoas nestes serviços perante uma chatice destas! Porque os documentos todos se fazem! Já consegui pelo menos resolver dois dos mais complicados, o que é bem bom!

Naná disse...

E sim, Horizonte, já joguei no euromilhões! Porque quando se fecha uma porta, abre-se sempre uma janela!

mfc disse...

respira fundo e enfrenta a burocracia que todos os dias nos impõem!
Beijinhos.