24 de março de 2014

Gata preta, gato preto

Em 2004, adoptei a Joy, uma gata preta linda. Era arisca que se fartava, mas foi uma grande companheira em tantas ocasiões... custou-me horrores vê-la adoecer e depois morrer... o G. ficou ainda mais traumatizado que eu, e jurou que nunca mais adoptaríamos nenhum animal, gato especialmente.

Esta era a Joy, a minha "djunfinha", já com os olhos semi-cerrados a demonstrar a sua irritação por estarmos a tirar-lhe fotografias. 


Recentemente, começou a surgir dentro do nosso quintal um bichano, preto também. Na altura, não sabíamos ainda se era macho ou fêmea. Há umas poucas semanas descobrimos que era macho. Passa cada dia mais horas no nosso quintal, seja para se abrigar da chuva, como era no ínicio do Inverno, seja para simplesmente se estender ao sol que vai começando a aparecer.
O G. que jurara nunca mais adoptar nenhum animal, começou a deixar uma tigela sempre cheia de água e há umas semanas pediu-me que comprasse um saco de ração, pedido a que acedi, não sem antes dar umas valentes gargalhadas, por constatar que o meu companheiro de vida é um coração mole.
Actualmente, o gato passa as tardes na varanda do lado de fora, sentado, como que a fazer-nos companhia. Desta feita, fomos adoptados.
As semelhanças são enormes, tanto fisicamente como no feitio arisco...


5 comentários:

Paula disse...

É impossível ficar indiferente... pelos nossos lados há imensos e sempre quem deixe comida... pelo menos não há ratos... ;)

Paula disse...

PS e a tua Joy ui ui... esses olhitos não enganavam ninguém!!!

Magda E. disse...

=D Adoro gatos pretos. Tenho uma, a Wicca e já está a ficar velhinha. São especiais, não há dúvida...

luisa disse...

:)
Por muito que se diga que não se quer mais nenhum animal de estimação (quando se perde um) é coisa que raramente se cumpre.

desabafosemrodape disse...

tão lindo. já tive uma experiência semelhante quando morava em Coimbra. Depois desapareceu. nunca mais o vimos. gosto de gatos e a miúda cá de casa sonha com o dia em que há de ter um em sua própria casa.:)