21 de fevereiro de 2014

Conselhos sobre gravidez e maternidade no masculino

No último semanário comentei que os melhores conselhos que recebi vieram de colegas meus de trabalho, todos eles pais, uns de um filho, outros já pais de segunda volta.

A Magda ficou curiosa e a M&M também sobre que dicas seriam essas...

Assim sendo, aqui vai uma pequena lista de coisas que me aconselharam e que eu ainda me recordo:

- não compres esterilizador de biberões! é caro, e depois não vais usar aquilo quase nunca!

- a melhor marca de biberões é a Avent, as tetinas são as que evitam melhor que o bebé engula ar

- não te aflijas por te dar brancas! É normal as mulheres grávidas terem esquecimentos e lapsos de memória...

- nas primeiras duas semanas restringe as visitas a tua casa, diz para avisarem antes de ir. Vais estar super cansada, com os horários todos trocados e há pessoal que não tem noção dos horários... e se aparecerem sem aviso prévio, não tenhas problemas nenhuns em mandá-los pelo caminho que vieram! Ah e nem penses em pôr-te a acordar o bebé só porque a malta o quer ver (aqui tenho a dizer que não precisei explicar isto aos meus amigos e familiares, porque todos estavam sensibilizados!)

- se o bebé tiver cólicas, é usar uma sonda de gases (sim, tive um colega que não só me falou na sonda, como me trouxe uma para eu ver e exemplificou como se usava e tudo, perante a minha estupefacção!)

- é melhor tirares a licença de cinco meses e não de quatro! Vais ver que mesmo os cinco meses não te vão chegar... vais querer ficar em casa mais tempo (sim, eu ainda ponderei tirar só 4 meses... porque receei dar em maluca por estar tanto tempo afastada da minha actividade profissional... mas eles estavam cobertos de razão! No dia que regressei ao trabalho, chorei baba e ranho desde que saí de casa até chegar ao trabalho, 17 km e 20 minutos depois!)

- quando estiveres em casa de licença, deixa a lide doméstica para segundo plano, senão não vais dar conta do recado...

Houve mesmo colegas, os pais de segunda volta, que me chegaram a dar alguns conselhos sobre como lidar com o filho mais velho, caso tivesse o segundo. O que melhor me recordo é que deveria sempre ir buscar primeiro o mais velho à escola e só depois o segundo.

7 comentários:

Magda E. disse...

Obrigado Naná, por matares a nossa curiosidade. Adorei! Realmente muito sábios os teus colegas é que concordo com tudo mulher! Devia toda a gente ter essa noção! Da G. safei-me das visitas porque ela nasceu na espanha, longeeeeee, mas receio muito desta vez... não sou nada simpática qd me aparecem sem avisar qt mais logo após ter o bebé... veremos como vai ser.

Paula disse...

Tudo pais muito sensatos e experientes sim senhora! Eu avisei logo que n queria romarias ao hospital nem a casa nos primeiros dias. E resultou. E tirei 6 meses de licença na primeira vez e passei o mesmo que tu...
Bjs xx

Maria Duarte disse...

Eu acrescento mais um:

- quando comprares tetinas novas para os biberons, verifica sempre se estão bem furadas antes de as usares.
Porquê?
Há uns anos atrás, uma mãe de primeira viagem (eu), mas que já tinha uma experiência de 3 semanas,, comprou tetinas novas, que lavou, esterilizou e colocou prontas a utilizar...
nessa noite, decide avançar sozinha com o banho da bebé ainda antes do marido chegar. Tudo bem, banho dado, criança vestida, leite feito... passado 30 minutos, criança continua a chorar com fome, mãe começa a chorar desesperada, e entretanto o pai chega a casa.
"vamos lá ver se o leite ainda está quente" diz ele...
"não sai leite..."
a tetina não estava furada

LOL

desabafosemrodape disse...

Felizmente constata-se que há pessoas ainda com muito bom senso. Conselhos assim são mesmo de pessoas que sabem o que dizem. Beijinhos

Amigo Imaginário disse...

Não gosto muito de dar conselhos, mas abro uma excepção para este que me deu uma enfermeira quando comentei que o Diogo arranjava sempre maneira de fazer um disparate qualquer quando eu estava a dar de mamar ao Vasco. Foi o que safou nos meses seguintes! Compra uns quantos brinquedos/jogos/livros para o Felipe brincar enquanto estiveres a dar de mamar (ou biberon) ao bebé. Mas reserva-os só para essas ocasiões. Chama-o para junto de ti e dá-lhe os brinquedos antes de começares. Ele vai sentir-se especial e fica entretido... :)

M♥M Susana disse...

Com colegas assim quem precisa de mais amigos Naná ;o) ? Acho que nunca senti esse tipo de apoio por parte de homens (a não ser o meu marido e ainda assim ele percebia pouco de bebés na minha 1ª gravidez)mas o mais engraçado foi ouvir comentários de homens amigos e já com alguma idade sobre o facto de amamentar o meu filho mesmo depois de 1 ano de idade, todos demonstravam ser o melhor para o bebé e NUNCA ouvi comentários reprovadores como ouvi de algumas mulheres...

Lacorrilha disse...

Pois, mais com colegas e amigos da minha idade, não há conselhos. Nem há filhos, nem querem ter. Mas há sobrinhos que já me ensinaram muito.