28 de janeiro de 2014

Semanário de gravidez #2

A barriga cresceu. E bem!
Tive que abandonar as calças tamanho 42 e render-me às de grávida.

A azia aumenta de dia para dia. Para ajudar veio uma maldita tosse irritantezinha, que me provoca convulsões e faz o estômago afogueado de azia, revolver-se e muitas vezes devolver à procedência os bens alimentares entregues poucas horas antes...

Ontem fiquei finalmente a saber que vou ter outro menino!
Apesar de ter aquele feeling e aquela vontade enorme de ter uma menina, não fiquei de forma nenhuma desiludida ou triste. Fiquei mesmo muito feliz por ver que o meu menino está bem, com tudo nos seus devidos lugares. Principalmente ver nitidamente os ventrículos do seu coração pequenino que bate descompassado. As suas mãos tão pequeninas em torno da cabeça... tudo nele me faz sorrir, daquela forma absolutamente babada como sucedeu das primeiras vezes que vi o Falipe na minha barriga.

O Falipe acompanhou-nos e foi mesmo muito engraçada a reacção dele. Primeiro, assim que lhe disse que íamos ao senhor doutor para tentar ver o mano na minha barriga, ficou assustado e tremeu mesmo de medo, porque pensou que me iam abrir a barriga para ver o mano. Quando lhe expliquei que era uma espécie de fotografia num computador, ficou mesmo muito excitado e super animado.

Quando chegou ao consultório do médico, este fez uma festa enorme por ver um bebé que ele ajudou a nascer já crescido. E salta-se com um: fui eu que te tirei da barriga da tua mãe!

O Falipe vacilou ali um bocadinho por uns momentos, mas depois distraiu-se com uma escultura alusiva à maternidade. Depois perguntou ao G. o que era aquilo, que respondeu toscamente: é um boneco.

Falipe não se perdeu e salta com um: não é nada! é uma barriga e duas mamocas! Não é um boneco, não tem cabeça, papá!

Escusado será dizer que o Falipe não conseguiu ver nada no écrã e ficou aborrecido em menos de dois minutos, a querer mexericar em tudo quanto era utensílio do consultório...

O mais curioso no meio disto tudo é que, tal como da primeira vez, sou praticamente a única grávida que vai ter menino, porque todas as que conheço que vão ser mães mais ou menos na mesma altura, todas esperam meninas.

Estou mesmo muito feliz!

8 comentários:

Amigo Imaginário disse...

Parabéns, Naná! Dois meninos é todo um mundo, acredita! :)

Mam my disse...

Muitas felicidades, Naná!
Que esse menino venha muito querido e espertalhão quanto outro que não pára quieto um bocadinho. :)))
Beijinhos

Carla disse...

Muitos Parabens Naná

Óptimas noticias

Bjs

Arco Iris disse...

Muitas Felicidades para esta nova etapa.
O Falipe vai ficar muito Feliz de ter um mano para partilhar a sua vida

desabafosemrodape disse...

beijinhos e parabéns! dois lindinhos, que bom...

dona da mota disse...

Uau! Muitos parabéns por ser um menino!!! Eu sempre quis ter tudo do mesmo género, nunca achei piada a casalinhos, coisas minhas. Por isso, 3 rapazes depois, posso afirmar que tinha razão, pelo que estou duplamente feliz por ti. Os meninos são o máximo! Claro que toda a gente pergunta quando vem a menina e, neste momento, até tremo com a ideia, coitadinha, tanto rapaz a controlar-lhe a vida, por outro lado ia ser uma princesinha, não era?! Suspiros de indecisão, ahahahahahah
Parabéns, Naná, MUITOS Parabéns!

Naná disse...

Amigo Imaginário, acredito que sim! Em breve descobrirei ;)

Mammy, obrigada. É o que eu desejo também ;)

Carla, minha querida, obrigada!

Paula, espero que sejam ambos muito amigos!

Mia, vai ser muito engraçado!

Menina Maria Vitória, eu até gostava de ter uma menina, nem que fosse para passar "tradições" (crendices minhas...), mas o mais importante é o amor que tenho pelos meus filhos, sejam eles de que género forem! E nem quero imaginar se calhasses a ter uma menina... com 3 rapazes, o mais certo era ser ou uma princesa ou uma Maria Rapaz... ahahahahahahah

Magda E. disse...

Parabéns por mais um menino! Que emoção! Conforme passa o tempo começo a ficar um pouco curiosa em relação ao sexo... =D