16 de novembro de 2012

Lista de Pedidos

Eu desejava que não estivesse uma tremenda trovoada, que faz as paredes estremecer e mirrar o meu coração e reduzir a minha coragem e espírito destemido à infima particula do medo inexplicável, adquirido aos 5 anos numa tarde meio acinzentada, no terreno de charneca propriedade do meu avô, que apanhava batatas brancas, numa distracção infantil que envolvia colares de flores "rabos de coelho"... 
Eu desejava não estar longe do meu filho, pois julgo-o amendrontado com tanto trovão a ribombar... se bem que às tantas ele deve estar descontraído no meio do granel que costuma ser a sala de actividades onde ele costuma brincar e que me põe os nervos em franja...
Eu desejava ter acordado bem disposta, de cara alegre e cheia de esperança numa sexta-feira que abre as hostilidades ao fim de semana passado no conforto do meu lar.
Eu desejava não ler barbaridades sobre o estado da nação e juízos de valor espalhados como pedras de calçada atirados às opiniões alheias apenas por diferirem dos demais, em nome da liberdade de expressão, manifestação, associação e outras tantas coisas terminadas em ão, que uns reclamam apenas quando lhes convém...
Eu desejava passar este dia em fast-forward e ir já para o momento em que pego nas agulhas e nas lãs e assim consigo apagar um pouco o ruído do mundo.
Eu desejava que o dia avançasse em fast-fast-forward para aquele momento de inocência infantil em que conto ao meu filho, aninhado no meu colo, uma qualquer história do Pedro pela quadragésima oitava vez e ver os seus olhinhos irem cerrando lentamente, cedendo ao sono e ao cansaço de quem esteve o dia inteiro a brincar, longe de mim...
Eu desejava ter um botão que me permite desligar a neurose com que despertei, nem tanto causada pelo tempo chuvoso, mas por qualquer razão inexplicável que me causa a mínima centelha de irritação com pequenas coisas às quais consigo ficar imune na maior parte dos dias...
No entanto, concretizo o meu desejo de ouvir esta música sem fim, para amainar a tempestuosidade interna do meu ser!

8 comentários:

Carla disse...

Está quase lá Naná, já é sexta feira.

Beijocas e vamos lá entrar o fds com pensamentos positivos

x

carla disse...

Cragem Naná, já só faltam umas horinhas para chegar lá...

Um bom fim-de-semana, carregado de tranquilidade e paz... ;)

carla disse...

"coragem"...

Arco Iris disse...

Eu desejo sinceramente, que vá o mais breve possível para casa usufruir da companhia do filhote e marido.
Bjs e Bom fim de semana.

O meu pensamento viaja disse...

Naná, espero que alcance o tal botão e desligue.
Que tal exteriorizar esse desejo?

Tanita disse...

Eu desejava que não estivesses assim e que estivesses como todos os outros dias, alegre e bem disposta.
Eu desejava carregar num botão e fazer-te sorri.
Beijinhos e um excelente fim-de-semana**

Uba disse...

Sorri, é sexta-feira. :)
bjs

pontinhos ao vento disse...

A trovoada também dispenso, mas agrada-me a ideia de um fim de semana de chuva, que serve se desculpa perfeita para ficar enrolada nas linhas e agulhas...

Um Beijo