5 de outubro de 2014

Uma vida feliz



Às vezes, tudo o que precisamos para perceber o quão felizes somos é um slide-show das fotografias de família, aquelas que ilustram sorrisos, gargalhadas, abraços, beijos, caretas dentolas e olhares marotos.

Mas também aquelas que gravaram para a posteridade um sobrolho levantado, porque estamos aborrecidas com uma qualquer atitude, ou as birras dos filhos, ou um ar sério e compenetrado.

Basta ver desfilar aleatoriamente no écrã do computador as fotografias das férias, dos fins-de-semana, ou até de um final de tarde na praia, ou duma galhofada em casa, para percebermos que tudo o que sempre desejámos para ser felizes está aqui!

Está gravado naquelas fotografias!
Que mais não são do que registos duplicados e bidimensionais das nossas recordações. Porque essas têm cheiros, têm música, sentimentos e emoções!

Basta olhar para as fotografias que se vão sucedendo a cada 20 segundos, para percebermos que somos tão ricos, por nos termos a nós o quatro. Que começámos como dois seres individuais, depois passámos a casal, e a família aumentou para três e agora quatro.

Somos ricos pelos momentos que vivemos juntos, por todos os locais que fomos conhecendo, os passeios, os momentos de lazer.

Somos ricos por sermos felizes assim!

Nãi importa que haja birras e jantares demorados e desassossegados, com comida espalhada e migalhas pelo chão, que haja choros de bebés que nos deixam o cérebro feito em papas, que há dores nas costas e muito cansaço e privação de sono.
Não importa que um filho tente chamar a nossa atenção enquanto o outro berra a pleno pulmão.
Não importa que não sejamos capazes de conversar um com o outro porque há filhos a chamar a atenção ou a berrar estridentemente.

Importa apenas que estamos juntos e que com tanto ou tão pouco, somos felizes!

5 comentários:

Maria Duarte disse...

É aqui e agora que temos/podemos/devemos ser felizes.
Nos pequenos momentos, que muitas vezes se tornam em grandes recordações.

gralha disse...

E não há dúvida que o quatro é um número que vos assenta muito bem :)

desabafosemrodape disse...

é uma felicidade poder ter assim uma família tão completa. boa semana. beijinhos. :))

Sophie disse...

E eu adoro esta foto!
Bjs

Amigo Imaginário disse...

É uma fase complicada e a diferença de idades não ajuda, bem sei... mas deixa tantas saudades! :)