28 de agosto de 2012

Contagem decrescente #4



Nas férias haverá tempo para cozinhar com calma e vontade. 
Sem ser sempre por rotina e obrigação, só porque temos de almoçar e jantar todos os dias.
Haverá peixe grelhado e lulas recheadas, bolos de alfarroba (ao que parece fizeram sucesso entre alguns colegas do G., que perguntaram quando ia fazer mais...) e o que der na gana fazer no momento, só porque sim e tenho tempo!
E se não me apetecer fazer, comemos frutas e qualquer coisa mais leve, porque afinal de contas, nas férias não há rigidez nenhuma, senão isto não teria a menor piada!

6 comentários:

Lemon disse...

Amanda um bocadinho para cá, estou a tentar ganhar vontade de fazer o almoço, a desgraçada nunca mais diz: PRESENTE...

Tanita disse...

É isso mesmo, sem relógio a controlar nem pressas ou obrigações.
Lulas recheadas? adoro e nunca faço em casa, à excepção daquelas já congeladas e que são uma bela porcaria, convinhamos.
As férias vão ser optimas e bem estás a precisar delas.
Bj**

Tanita disse...

É isso mesmo, sem relógio a controlar nem pressas ou obrigações.
Lulas recheadas? adoro e nunca faço em casa, à excepção daquelas já congeladas e que são uma bela porcaria, convinhamos.
As férias vão ser optimas e bem estás a precisar delas.
Bj**

Lacorrilha disse...

Lulas nem vê-las, mas peixinho grelhado gosto muito. Venham daí as férias.

Uba disse...

Gosto muito!!!
E receita do bolo, não há? hehe

Naná disse...

Uba, não a ponho aqui ainda porque da primeira vez tive uma carrada de precalços e acho que a receita que me deram estava aldrabada... as quantidades não batiam propriamente certo... mas quando voltar a fazer e acertar com aquilo ponho aqui!