30 de julho de 2012

Criança do meu ser

"És tu meu filho.
Porque me mostraste que ainda há uma criança em mim.
Mostras-me todos os dias que há inocência e amor em estado puro.
Que há zangas sem lugar para ressentimento.
Que as pazes se fazem em 30 segundos, e para isso basta sorrir e dar a mão.
Que podemos brincar com qualquer coisa, desde que se ponha a imaginação a funcionar.
Tu serás a minha criança para sempre, mesmo quando já não couberes nos meus braços para te embalar, ou já não quiseres que te conte uma história de adormecer.
És o meu menino e eu sou menina sempre que estou contigo!"

01 Junho 2012

10 comentários:

Tanita disse...

O F. vai ficar tão feliz quando souber ler... lindo, adorei e vou guardar para mim, claro está registando by Naná.
Bj**

Isilda disse...

Naná, vais ter de reunir todos os posts que aqui fizeres sobre o teu filho e oferecer-lhos editados em livro. Que melhor prenda poderá ele ter?!
Beijinho

Naná disse...

Tanita, eles ajudam-nos a ser crianças de novo e é tão bom!

Isilda, tenho isso em mente há muito tempo! :)

Tânia ♥ O Nosso Mundo Perfeito ♥ disse...

Adorei! é mesmo a guardar!
Os filhos baixam em nós algo que nunca pensávamos que existia não é?

Beijinho*

AvoGI disse...

e os netos? fazem-nos ser novamente meninas tb
kis :=)

Mammy disse...

Tão lindo, tão simples, tão verdade!
Beijinhos

Jardim de Algodão Doce disse...

Tão bonito para guardares. Eles são aquele nosso amor eterno, que está sempre cá.

Lacorrilha disse...

Que lindo. Um dia quando o teu piolho ler estas palavras, vai ficar encantado.

luisa disse...

Eles crescem tão depressa, mas para nós são sempre os nossos meninos, aqueles que nunca nos cansamos de embalar :)

Uba disse...

Lindo, lindo. :)