1 de junho de 2012

As Amantes do Verão - 1) o Verão da minha infância

Era sempre passado aqui:




Ia sempre o mês de Agosto completo para casa dos meus avós maternos.
Tive uma infância feliz e sem dúvida as férias de Verão contribuíram largamente para isso!
Nesta época, faziam-se limpezas gerais à casa, limpávamos as teias de aranha, abríamos os baús de roupas e mantas e púnhamos ao sol para arejar, e caiávamos as paredes.
No Verão, colhíamos as melancias enormes e eu enchia a barriga de sumo de melancia.
Ao fim de semana, cozíamos pão no forno de lenha e eu não perdia uma boa tiborna ou filhós de massa de pão.
Andava sempre na horta atrás do meu pai ou do meu avô.
Dava milho e trigo às galinhas,apanhava os pintainhos e fazia-lhes festas na crista. Dava erva aos coelhos e abóboras ao porquinho.
Mas de manhã, pela fresquinha, eu a e minha mãe fazíamos os 2 km a pé até aqui:


Não havia vivalma na praia até quase às 11h30 e eu adorava poder correr atrás das gaivotas que caminhavam junto à babugem das ondas.
Fazia castelos na areia e brincava nos lagos que se formavam em torno das pedras, na maré baixa. Brincava com meninos e meninas da minha idade, uns filhos dos pescadores da Arrifana, outros filhos de turistas que vinham cá passar férias.
Eu adorava o Verão e a praia e queria sempre ficar mais um bocadinho, mas não podia ser...
O meu pai ficava sempre de nos ir buscar, mas como andava na horta nas suas lides esquecia-se sempre das horas e muitas vezes esperávamos por ele quase 1h... a minha pacientíssima mãe chegava a ficar desesperada de tanto esperar...
E havia sempre a minha cadela Borboleta para brincar comigo, correr pelos campos de mato e deitar-me em cima da erva azeda na horta!
Os Verões da minha infância foram muito bons e felizes!!!

Gostava que o Falipe pudesse experimentar isto, mas actualmente já ninguém consegue gozar um mês inteiro de férias como nos meus tempos de menina...

16 comentários:

Maggie disse...

que lindo Naná, que infancia tão doce, ingenua e feliz.
Grande sorte.

Bjos
Maggie

Ângela Almeida disse...

Adorei !!
Beijinhos

Marisa disse...

Lindo!!!!!

Bjinho

Scarlet Red disse...

:)

t disse...

que bonitas recordações e fotografias :)
***

Rui Pascoal disse...

Sei bem do que falas... também eu tive uma infância feliz, talvez por isso "me recuse" a crescer.
:)
Feliz Dia da Criança!

luisa disse...

Boas recordações :) E hoje, ainda vais para lá?

Tanita disse...

Como é que não adivinhei logo que este seria o teu eleito para o tema de hoje? tu que adoras esta casa e toda a sua envolvência, é certo que cresceste rodeada de felicidade e isso tornou-te na pessoa bonita que hoje és.
Tenho a certeza que o Filipe irá ddesfrutar de bons momentos, como os teus, embora não sejam tantos dias seguidos. Mas o que interessa mesmo é que sejam de qualidade, e isso só tu lhe poderás proporcionar!
Adorei. Bj**

Naná disse...

Maggie, foi mesmo muito boa!

Ângela, obrigada :)

Marisa, obrigada :)

Scarlet, um excelente tema para abrir este desafio, o meu obrigada a ti e à Turista :)

t. obrigada! e eu esqueci-me das fotos que queria pôr aqui em casa...

Rui, para quê crescer? Se é tão bom ser assim criança!

Luísa, sempre que posso, vou!
Em Setembro lá estarei :)

Tanita, começou mesmo bem este desafio. Um grande tema! És uma querida!

carla disse...

É uma pena não podermos proporcionar os nossos Verões felizes aos nossos filhos. Com o passar dos anos e com a evolução perderam-se tantas coisas boas...

Bom fim-de-semana Naná

gralha disse...

Que maravilha de férias :)
Também adorava dar isso aos meus filhos.

AvoGI disse...

e hoje andamos aqu a recordar a nossa infancia , a minha diferente da tua kis .=)

ombemua disse...

Que fotos lindas!
Adorei
Feliz dia querida...

ai esses sumos de melancia. Ate hoje bebo como se não houvesse amanha :)

Baci*

mfc disse...

Que casa e lugar de sonho!!

Turista disse...

Querida Naná, adorei o teu texto cheio de simplicidade, mas a transmitir esse sentimento, do ser tão feliz, com as rotina dos dias de Verão, com a liberdade que hoje me dia s nossas crianças, já não gozam...
E gostei imenso das tuas fotografias, de paisagens idílicas e com tanto significado :)
Beijinhos.

Ni! disse...

Nem um mês de férias, nem praias vazias até às 11:30 :(

Mas tenho a certeza que o Falipe vai curtir sempre muito na vossa companhia.

Bjs