10 de abril de 2012

No meio do nada

Para terminar o meu surto de "rebelião de cidadão" e politiquices, nada como imagens destas para me acalmar e fazer lembrar que há coisas que valem bem a pena!

Cada vez mais sinto falta de espaços como este, no meio do nada, onde apenas ouvimos o cantar dos pássaros e o som uivante da brisa nas copas das árvores.








6 comentários:

Tanita disse...

Isso é onde? lindas fotografias, parabéns. Bj**

Sónia disse...

adorei o banco! Quem sabe se o meu desejo concretiza-se e volto daqui a nada para o Algarve:))

Lemon disse...

Adorei :)
Gosto da paleta cromática.
Besos

mfc disse...

Que passeio mais retemperador!!
Parabéns pela muito boas fotos,
Beijinhos,

Lacorrilha disse...

No fim de semana passado andei por um sítio assim, calminho e onde não se via vivalma. Eu gosto mesmo de fugir é para sítios assim, para confusão já bem basta a cidade onde vivo.
Adorei as fotografias, especialmente a primeira.

Ana Cristina disse...

que lindas fotos...