22 de setembro de 2011

Ide! Ide roubar para a estrada, sim?!

tirada da net

Há dias fui ao agente de fornecimento de gás natural, pagar a conta de casa do meu falecido pai. Aproveitei para colocar a questão sobre que trâmites deveria tomar para retirar o nome do meu pai do contrato, uma vez que acho que nomes de pessoas falecidas não devem constar como titulares de contratos, sejam eles quais forem.
A sr.ª que me atendeu diz-me então que teria que levar a escritura de habilitação de herdeiros para comprovar que sou a herdeira legal. Até aqui tudo normal, nada de novo!
Mas não pude esconder a minha indignação durante o diálogo que se seguiu, sempre polido e educado:
Sr.ª do Gás - Depois connosco não tem que pagar nada pela alteração do titular do contrato, mas tem que pagar 55€ à empresa independente que tem que ir fazer a reinspecção.
Naná (de olhos arregalados e com ar de "será que ouvi bem!?") - diga?! Reinspecção??!
Sr.ª do Gás - sim, porque como há alteração de contrato, tem que ser feita nova inspecção à instalação.
Naná (ainda a tentar perceber se tinha ouvido bem...) - mas inspecção à instalação porquê? Eu não alterei nem um milímetro na instalação. Só quero passar o contrato para meu nome...
Sr.ª do Gás -pois, eu sei, minha senhora. Mas a ERSE diz que em caso de mudança de titulares de contrato tem que ser feita uma nova inspecção à instalação, por empresa de técnicos especializados. E isso custa 55€.
Naná (já tinha atingido que queriam chulá-la de forma descarada) - desculpa mas isso é um roubo, para não lhe chamar outra coisa menos agradável - calma e serena, com um sorriso nos lábios.
Sr.ª do Gás - pois, mas não somos nós que determinamos isso. É a ERSE, que é a entidade reguladora. Diz que a instalação tem que ser reinspeccionada...
Naná - sabe, acho piada às entidades reguladoras e ainda acho mais piada a essas inspecções por técnicos especializados. No meu último apartamento, na 1.ª inspecção chumbou porque os níveis eram elevados e disseram-nos que teríamos que instalar sistemas de ventilação para o exterior (os vulgares respiradouros) de forma a evitar que os níveis fossem elevados. Nós seguimos o que nos disse o "técnico especializado" e gastámos dinheiro a fazer a ventilação. Quando vieram fazer a reinspecção, mandaram-nos fechar os respiradouros, porque não podiam fazer a inspecção com a ventilação para o exterior aberta! E passaram a instalação da 2.ª vez... agora vai-me dizer onde é que isto tem cabimento?!
(deixem-me esclarecer que tenho o mau hábito de demonstrar que tenho razão, contando um qualquer outro episódio da minha vida)
Sr.ª do Gás (a começar a ficar encavacada) - pois, isso não faz muito sentido. mas é como lhe digo... se quiser alterar o nome do titular do contrato, tem que pedir uma reinspecção e custa 55€...
Naná (resoluta) - olhe então deixe estar! Fica no nome do meu pai, porque eu recuso-me a pagar essa quantia para irem inspeccionar uma coisa que não sofreu alterações rigorosamente nenhumas. Prefiro deixar no nome de alguém que já não está cá, e vou pagando eu, como fiz desde que o meu pai faleceu...
Sr.ª do Gás - pois, sabe é que o certificado de aprovação da instalação está no nome do seu pai. Para poder passar para o seu, você tem que pedir a reinspecção.
Naná (já numa de ironia) - pois, mas concerteza o técnico especializado não inspeccionou o meu falecido pai... inspeccionou a instalação e logo, o certificado deveria estar no nome do local da instalação. Bem, mas deixe estar... não se preocupe mais com isso... fica como está! Obrigada pela informação! Boa tarde

É claro que saí de lá indignadíssima, não com a pobre funcionária, que se limitou a dar-me a informação. E não é ela que ditou estas regras... Mas não posso deixar de ficar irritada ao máximo com o descaramento com que se fazem regulamentos de fornecimento de bens como estes... 
Razão pela qual já deixei um pedido de esclarecimento no site da ERSE, cuja resposta aguardo com alguma curiosidade. Sempre quero ver como justificam uma coisa destas...

7 comentários:

ESpeCiaLmente GaSPaS disse...

É que nem morrer se pode... grunfff

Anónimo disse...

Estou exactamente com o mesmo problema aqui na casa em Lx, mas eu não posso deixar como está, e o pior é que vou pagar 2ª vez.... Oh well this country sucks big time! Bjs e vê lá se vens cá! Teya

mfc disse...

Querem ver se nos chupam até ao tutano!!

SofiAlgarvia disse...

Nem te conto as minhas peripécias com esses srs, dava para 3 posts e meio!!!!
São uns ladrões, são pois!

Ana (A mamã é só minha) disse...

Há coisas que, francamente, nem sei se é legal. Não percebo mesmo.
Mas não te irrites.
O que mereciam é que deixasses de pagar, pois não têm como ir buscar dinheiro ao teu pai.

Beijinhos e bom fim-de-semana :)

Naná disse...

Gaspas, depois ainda falam que as pessoas (herdeiros) não actualizam as coisas. Um dos passos que di logo após ter regularizado tudo legalmente foi exactamente alterar todos os contratos de fornecimento de água, electricidade, etc. Este tinha ficado para último... os outros todos mudei com bastante facilidade (água), outros nem tanto assim (EDP foi um chorrilho de burrocracias...)

Teya, sua maluca! Olha vê lá se dás mas é notícias, sim?!

Mfc, completamente de acordo. Eu até me começo a rir com a "criatividade" que têm nas formas que encontram para o fazer!

Sofia, faço uma pequena ideia... eles além de nos roubarem, ainda nos levam à demência, por certo!

Ana (A mamã é só minha), calculo que haja pouca legalidade nisso, mas se estiver nos regulamentos deles, passa a ser legal... Já na questão de deixar de pagar, infelizmente eles têm maneira de ir buscar o dinheiro em dívida... ou então cortam o serviço por falta de pagamento! E visto serem uma empresa monopolista... não há grande alternativa! É gás natural ou carregar com botijas de gás às costas!

Alix disse...

eles arranjam sempre maneira de nos roubar, sempre. e nós, sem outro remédio, acabamos por pagar :S